mugla escort osmaniye escort sanliurfa escort yalova escort yozgat escort ordu escort hatay escort manisa escort erzincan escort nigde escort canakkale escort

Edição de maio do projeto Interatos começa neste domingo

03 maio 2019

OTETO - Coletivo Na Esquina BR-FR (1).jpeg

– Foto: Divulgação

A Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) realiza, de 5 a 26 de maio, mais uma edição do projeto Interatos – mostra e formação permanente de teatro, dança e circo. A programação do mês tem ações nas áreas de formação e espetáculos em João Pessoa, Cabedelo e Campina Grande. A primeira atração é o espetáculo internacional “Oteto”, com Coletivo Na Esquina (França/Brasil). A apresentação acontece neste domingo (5), às 17h30, no Anfiteatro Humorista Cristóvam Tadeu, localizado no Parque Parahyba II, bairro Bessa, em João Pessoa. O acesso a toda a programação é gratuito.

Ainda na área de circo, há uma atividade de formação. Trata-se da oficina Acrobacia Coletiva, que será ministrada por Liz Braga e Pedro Guerra, do Coletivo na Esquina. As aulas serão ministradas de 6 a 8 de maio, na Escola Livre de Circo Djalma Buranhêm, localizada no Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail circo.funesc@gmail.com.

Na segunda semana, a programação do Interatos visita o município de Cabedelo com destaque para a dança. No sábado (11), será ministrada a oficina Moto Perpétuo, com o Coletivo Tribo Éthnos (PB). A atividade acontece às 18h, na Praça Getúlio Vargas, Centro do município. Em seguida, às 20h, o grupo apresenta, no mesmo local, o espetáculo improvisado “O Preto e o Branco no Mundo dos Sonhos”.

Finalizando a programação do mês, o projeto Interatos chega a Campina Grande com dois espetáculos do grupo Loucos de Palco (RS). No sábado (25), o Teatro Municipal Severino Cabral recebe “Dois Perdidos Numa Noite Suja”. A apresentação será às 20h. No domingo, no mesmo palco, será apresentado “Dom Quixote”, às 16h.

Parcerias e patrocínio – A Fundação Espaço Cultural da Paraíba, com patrocínio do Bradesco realiza, mensalmente, o projeto Interatos, colocando o estado no roteiro das principais produções de teatro, dança e circo do país. O evento conta, ainda, com apoio da PBGás e Hotel Ambassador e tem parceria com o Grupo Lavoura de Teatro.

Interatos – Realizado pela Fundação Espaço Cultural da Paraíba, o Interatos – Mostra e Formação Permanente de Dança promove mensalmente apresentações e atividades formativas (oficinas, cursos, debates, rodas de conversa, seminários) com artistas paraibanos, nacionais e internacionais.

Sob a gerência de Ângela Navarro, o setor de Dança tem programação regular nos equipamentos da Fundação Espaço Cultural José Lins do Rego (Funesc), complexo cultural com uma das maiores áreas construídas na América Latina que possui, entre seus equipamentos, uma escola de dança, com cerca de 500 alunos. Já a parte de Teatro tem coordenação de Suzy Lopes e mantém um curso anual de formação, além de oficinas e montagens teatrais. A gerência de circo tem à frente Diocélio Barbosa e conta com a Escola Livre de Circo Djalma Buranhêm, onde são realizados cursos de formação regulares e atividades lúdico-educativas para jovens, adultos, crianças e bebês.

Sinopses

O teto – 30’ Público livre, acrobacia, canto e música ao vivo.
O espetáculo nasce da pesquisa realizada pelo duo de acrobatas: Liz Braga e Pedro Guerra que vivem há dez anos entre o Brasil e a Europa, sobre a palavra saudade, considerada por muitos como intraduzível. Com o objetivo de transpor esse sentimento para nosso duo acrobático, o espetáculo propõe uma maneira singular de expressar esse sentimento. Como expressar a ausência através de uma disciplina circense que depende da presença do outro? Em Oteto, Liz canta livremente e, ao mesmo tempo que se conecta com suas raízes, divide com o público o conjunto de sensações contraditórias que definem a saudade. Em cena, os dois acrobatas são acompanhados pelo músico Juninho Ibituruna, que interpreta a trilha sonora ao vivo, compondo com vozes e ritmos afro-brasileiros.

Performance O Preto e o Branco no Mundo dos Sonhos –  Com Ayleen Vant e Vant Vaz. Performance improvisada embasada nas palavras de Alan Watts (teólogo, filósofo e orador britânico que dedicou toda sua vida difundindo as filosofias asiáticas para o mundo ocidental até seu falecimento em 16 de novembro de 1973) que trata das forças da dualidade no taoísmo, filosofia oriental da qual Alan bebeu. Ou do existir como um sonho, uma ilusão e que o maniqueísmo entre bem e mal são diluídos e invertidos, ou como forças complementares. O Preto implica o branco e vice-versa.

Oficina Moto Perpetuo – A oficina “Moto Perpetuo” visa propor outras direções para a concepção de espetáculos e sentidos coreográficos para a dança de rua e para a própria dança desenvolvida pelo Coletivo Tribo Éthnos, tentando revelar tudo aquilo que há de mais artístico e contemporâneo na mesma, contrapondo (ou redimensionando) as tendências que predominam na área. Também apreensões metafóricas dos corpos que defendem estas sintaxes, propondo pensamentos e reflexões e indo ao encontro de suas origens, com vista a encontrarem um sentido mais profundo e estético para esta forma de dançar. Público-alvo: Artistas da dança que atuem em Companhias, Grupos e Escolas nas cidades visitadas pelo projeto; faixa etária variada, com foco na juventude; oficina aberta a todos os estilos e técnicas. Carga-horária: 2 horas

Dois Perdidos numa Noite Suja – Tonho e Paco dividem um quarto no subúrbio de uma cidade grande, ambos com sonhos e objetivos em suas vidas, numa medida desesperada de mudança eles serão vítimas das próprias ambições. Uma tragédia carioca assinada pelo grande dramaturgo brasileiro Plinio Marcos que mostra de maneira minuciosa a falta de oportunidade e a exploração do ser humano pelo próprio ser humano. A amizade e o companheirismo são o tema para o drama. Duração: 75 minutos. Classificação etária: 16 anos.

Dom Quixote – É a história de um homem que de tanto ler livros de aventuras e cavalarias, um dia pegou o elmo de seu bisavô e saiu pelo mundo na esperança de vivê-las. No mundo em que vivemos, é importante sempre dar à criança e ao adolescente a oportunidade de escolher os caminhos que seguirão. É importante também que eles saibam o quanto suas escolhas terão significado em suas vidas. Visando isso, “Dom Quixote” é um espetáculo onde se vê o quanto é precioso saber sonhar, lutar e nunca se conformar com a vida que se leva, onde a cada piscar de olhos se pode crescer e descobrir onde estão os “gigantes” e os “moinhos de vento” em nossas vidas. Gênero: aventura. Duração: 45 minutos. Classificação etária: 7 anos.

Interatos – programação 100% gratuita

Circo – João Pessoa
05/05
17h30 – Espetáculo Oteto, com Coletivo Na Esquina (França / Brasil)
Local: Parque Parahyba II, Anfiteatro Humorista Cristóvam Tadeu (Bessa, João Pessoa, PB)

06 a 08/5
9h às 11h30
Oficina: Acrobacia Coletiva, com Liz Braga e Pedro Guerra, do Coletivo Na Esquina (França / Brasil)
Inscrições por e-mail: circo.funesc@gmail.com

Dança- Cabedelo
11/05
18h – Oficina Moto Perpétuo
Inscrições por e-mail: ritaspidancaa@gmail.com

20h – O Preto e o Branco no Mundo dos Sonhos, com Coletivo Tribo Éthnos (PB)
Local: Praça Getúlio Vargas, Centro, Cabedelo
Acesso: gratuito

Teatro – Campina Grande
25/05
20h – Espetáculo Dois Perdidos Numa Noite Suja, com Loucos de Palco (RS)
Local: Teatro Municipal Severino Cabral, Centro, Campina Grande, PB
Acesso: gratuito

26/05
16h – Espetáculo Dom Quixote, com Loucos de Palco (RS)
Local: Teatro Municipal Severino Cabral, Centro, Campina Grande, PB
Acesso: gratuito